domingo, 26 de abril de 2009

Cruzeiro massacra o Atlético


Crédito da foto: Globo.com

O Cruzeiro não teve piedade do Atlético neste domingo. Na primeira partida das finais do Mineiro, a Raposa massacrou o Galo por 5 x 0 e praticamente colocou a faixa no peito. Mais organizado em campo, o time celeste fez um gol na primeira etapa, com Kléber, e passeou no segundo tempo. O Atlético perdeu o equilíbrio quando ficou atrás no placar e simplesmente assistiu ao adversário jogar no complemento da partida.
O Cruzeiro adiantou sua marcação, foi senhor absoluto do meio-campo e, tocando a bola com rapidez e explorando bem as laterais, envolveu o adversário sem dificuldades. Leonardo Silva (duas vezes) e Jonathan (também duas vezes) foram os responsáveis pelos gols na etapa final

Dois raios - Como no ano passado, o Cruzeiro goleou o Atlético por 5 x 0 no primeiro jogo da decisão e deixou os alvinegros perplexos. Se a derrota no clássico já é inaceitável, uma goleada na decisão tem proporções catastróficas na Cidade do Galo.

Kléber - Com 12 gols, o atacante Kléber não deve chegar no artilheiro Diego Tardelli, que já marcou 16, no final do Mineiro. Mas ele levou a melhor no duelo desta tarde. O cruzeirense abriu o placar, jogou melhor que o rival e ainda provocou os atleticanos imitando uma galinha.

Expulsos - Ramires (Cruzeiro), Renan e Leandro Almeida (Atlético-MG) foram para o chuveiro mais cedo neste domingo e estão fora da decisão de domingo. Também suspenso, o zagueiro Warley, do Galo, desfalca a equipe.

Cruzeiro - Fábio; Jonathan, Léo Fortunato, Leonardo Silva e Gérson Magrão; Fabrício (Henrique), Marquinhos Paraná, Ramires e Wagner; Kléber (Wellington Paulista) e Thiago Ribeiro (Soares).

Atlético - Juninho; Werley (Marcos Rocha), Marcos, Leandro Almeida e Júnior; Renan, Carlos Alberto, Márcio Araújo (Kléber) e Rafael Miranda; Lopes (Chiquinho) e Diego Tardelli.

7 comentários:

Mada disse...

Infelizmente, mais uma vez, o Galo entregou-se em campo. No segundo tempo não jogou nada e permitiu que o Cruzeiro passeasse e desse um olé.

Anônimo disse...

O Galo se curvou ao favoritismo do Cruzeiro. A goleada foi demais, merecia perder de menos. O Cruzeiro passa pelo Atlético como um trator, mais diante de outros clubes de nível joga um futebol de "marolinha". Contra o Galo o Cruzeiro reserva seu melhor futebol, já que detém melhor elenco e salário. O Galo praticamente entregou de presente para o Cruzeiro o campeonato mineiro, agora basta se entregar de corpo e alma no torneio Copa Brasil, já que nesta quarta-feira jogará seu futuro com o time do Vitória. Jane, nosso Galo, foi engolido pela raposa.

Doris disse...

Pra falar a verdade, ainda bem que o jogo durou somente os noventa minutos, pois cada vez que aquele "Eca de time" pegava a bola, só viamos um bando de mongolóides (galo), andando em campo.
Uma vergonha para o futebol mineiro e um descaso com uma torcida tão fiel. Tomara que nenhum atleticano compareça no próximo jogo. Precisamos mostrar quem somos e eles precisam aprender a ter garra!!!

Bruno Glorioso disse...

CHORAAAAA!!!NÃO VOU LIGAR, CHEGOU A HORA, VAI DETONAR.
É GALERA DO "galinho". CÊS TÃO É BRABO MESMO, HEIM????
PREOCUPA NÃO, DOMINGO TEM MAIS 5 KKKKKKKKK

Anônimo disse...

Vergonha!!!!!!!!!!!!!!!!!! Cadê os jogadores do Atlético. E ainda tivemos que sujeitas á dança da galinha pelo Cleber. Que tristeza.

Erica disse...

VERGONHA!!! VERGONHA!!!VERGONHA!!!
ESSES JOGADORES NEM DEVERIAM BOTAR A CARA PRA FORA!! TRISTEZA ATLETICANA.

MARCOS disse...

O GALO NÃO DEVE BAIXAR A CRISTA POR UM PLACAR HORRÍVEL CONTRA O CRUZEIRO. O TÍTULO SEMPRE FOI DO CRUZEIRO E O CRUZEIRO NEM FAZIA VONTADE DELE, JÁ QUE INTERESSAVA ERA VENCER O GALO. O CRUZEIRO VAI PERDER JOGOS MAIS FÁCEIS AINDA. O GALO FOI PRESA FÁCIL PARA O CRUZEIRO. JOGOU NADA E APANHOU FEIO. AGORA O TIME DO ATLÉTICO TEM QUE CONCENTRAR FORÇAS PARA A COPA DO BRASIL, POIS JÁ TEM UMA PARTIDA NESTA QUARTA CONTRA O VITÓRIA, QUE VENCEU O BAHIA DOMINGO PASSADO. O ATLÉTICO TEM TUDO PARA GANHAR, O VITÓRIA NÃO É O CRUZEIRO.