sexta-feira, 1 de maio de 2009

Flu arranca empate com o Goiás


Crédito da foto: Photocâmera

O Fluminense arrancou ontem um empate por 2 x 2 com o Goiás, em Goiânia, e tem a vantagem de decidir a vaga nas quartas-de-final da Copa do Brasil em casa, quinta-feira, às 21h30, precisando apenas de um 0 x 0. Luiz Alberto e Fred (foto) fizeram os gols do Flu, com Rafael Tolói e Felipe Menezes empatando para o Alviverde.

Defesa fraca - A grande dor de cabeça do técnico do Flu, Carlos Alberto Parreira, continua sendo o sistema defensivo. A zaga está desprotegida e, para piorar, Luiz Alberto e Edcarlos não têm mais a confiança da torcida tricolor. Outro problema crônico do time são as laterais. O treinador muda as peças, mas a ineficiência dos jogadores é a mesma.

A sombra - O goleiro do Flu, Fernando Henrique, sofreu uma lesão muscular ontem após ter falhado feio no primeiro gol do Goiás e foi substituído por Ricardo Berna, que fechou o gol no segundo tempo.
Apesar da boa atuação do goleiro reserva, ainda acho que o Tricolor tem uma grande carência no setor. Quando tem uma sequência de jogos, Berna não passa confiança, principalmente, nos chutes de fora da área e nas bolas aéreas.

Ataque produtivo - No Flu, o destaque continua sendo o setor ofensivo. O meia Thiago Neves coloca a bola onde quer e o atacante Fred não costuma perder oportunidades. Ontem, de cabeça, o centroavante marcou o segundo do Tricolor.

Apostas - Parreira aposta neste ano na qualidade do meia Tartá, e dos atacantes Maicon e Alan, todos revelados pelo clube. Como eles são jovens, vivem de altos e baixos, mas têm tudo para engrenar.

Expulso - O atacante Maicon foi expulso ontem no início do segundo tempo e prejudicou a equipe, que vencia por 2 x 1, e acabou deixando o Goiás empatar. No final da partida, o zagueiro Rafael Tolói, do Goiás, também foi expulso.

Bida e Diogo - A diretoria tricolor deve fechar na próxima semana com o meio-campista Bida, do Vitória, e o lateral-direito Diogo, do Corinthians. O primeiro é um jogador diferenciado, que ajustou o meio-campo do Santos no ano passado, e o segundo se destacou no Sport, mas não está sendo aproveitado pelo Timão. Será contratado como mais uma aposta do coordenador de futebol do Flu, Alexandre Faria, que, até agora, não acertou nas investidas que fez em laterais.

Um comentário:

Sandra disse...

Assisti ao jogo e o Flu não jogou quase nada. Conseguiu arrancar um empate, o que foi bom para o time, mas o Goiás foi mais presença em campo.