quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Clubes que mais investem no futebol brasileiro

Ter uma folha salarial milionária não quer dizer que um clube vai fazer sucesso na temporada. Este ano, o Fluminense, por exemplo, gastou muito dinheiro para contratar os atacantes Fred e Leandro Amaral, mas o retorno foi o pior possível, já que eles se machucaram e o clube luta apenas para fugir da degola. Com orçamentos bem mais modestos, Barueri e Avaí conseguiram montar equipes equilibradas e devem se classificar para Sul-Americana.
Como as despesas deste ano ainda não foram fechadas, coloquei abaixo um quadro demonstrativo para o torcedor ter ideia do custo/benefício dos times que disputaram o Brasileiro de 2008. O São Paulo, campeão brasileiro, foi o terceiro que mais gastou, perdendo para o Inter e o Palmeiras. Apesar de não ter ficado com o título nacional, o Colorado (foto), pelo menos, terminou a temporada com a taça da Sul-Americana, justificando o pesado investimento de 13, 2 milhões de Euros.


Custo com pessoal em 2008


1 - Internacional – 13.2 milhões de Euros
2 - Palmeiras – 11.6 milhões de Euros
3 - São Paulo – 9.5 milhões de Euros
4 - Santos – 8.3 milhões de Euros
5 - Flamengo – 8.3 milhões de Euros
6 - Fluminense – 7 milhões de Euros
7 - Cruzeiro – 6.2 milhões de Euros
8 - Atlético MG – 4.9 milhões de Euros
9 - Botafogo – 4.9 milhões de Euros
10 - Atlético PR – 4.1 milhões de Euros
11 - Coritiba – 3.6 milhões de Euros
12 - Grêmio – 3.5 milhões de Euros
13 - Sport – 3.3 milhões de Euros
14 - Vitória – 3.3 milhões de Euros
15 - Goiás – 2.9 milhões de Euros
16 - Náutico – 2.6 milhões de Euros
17 - Vasco da Gama – 2.4 milhões de Euros

(Fonte da pesquisa: Futebol Finance)

2 comentários:

Rivelle Nunes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rivelle Nunes disse...

Gostei do blog, passarei mais por aqui.
Abraços!