quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Solta a voz, Maradona!

Em quase todas as copas, um grande costuma desafinar nas Eliminatórias. Desta vez, a Argentina parece ser a cantante em decadência. Por culpa, máxima culpa, do maestro Maradona a seleção está se arrastando nesta temporada e vai precisar melhorar muito o repertório e a garganta para ao menos empatar com o Uruguai nesta quarta-feira e, na pior das hipóteses, disputar a repescagem contra o vento. Uma derrota nesta noite e uma vitória do Equador contra o Chile vai representar um vexame histórico da bicampeão mundial (leia-se: estará fora do Mundial). Pela dramaticidade do jogo e a rivalidade entre uruguaios e argentinos, este é, sem dúvida, o duelo mais esperado do dia. Garanto é que oito entre dez brasileiros trocariam o “amistoso” da seleção pelo clássico de Montevideu, a partir das 19h.

URUGUAI: Fernando Muslera; Scotti, Lugano e Cáceres; Pereira, Diego Pérez, Gargano, Rodríguez e Alvaro Pereira; Suárez e Diego Forlán.Técnico: Óscar Tabárez.

ARGENTINA
: Romero; Otamendi, Schiavi, Demichelis e Heinze; Mascherano, Rodrigo Braña, Gutiérrez e Verón; Higuaín e Messi. Técnico: Diego Armando Maradona
Eliminatórias Sul-Americanas

Europeus - Na Europa, a rodada de hoje deve servir apenas para confirmar a passagem de Portugal para a repescagem. A menos que a seleção de Cristiano Ronaldo consiga fazer o papelão de perder em casa para a fraquíssima Malta. A França também vai ser obrigada a ir para o mata-mata decisivo e torce para que o adversário não seja atrevido. Ao contrario da América do Sul, a repescagem europeia representa um risco iminente de fracasso para tradicionais seleções.

Campo Grande - No mais, o Brasil entra em campo hoje com a missão de vencer a Venezuela, às 19h, em Campo Grande, e encerrar sua participação nas Eliminatórias com o primeiro lugar. Além da liderança, o jogo serve para Luís Fabiano tentar se isolar na artilharia da competição. Por enquanto, com nove gols, ele divide o posto de goleador com o chileno Humberto Suazo.

BRASIL:
Julio César; Maicon, Luisão, Miranda e André Santos; Gilberto Silva, Ramires (Lucas), Elano e Kaká; Luís Fabiano e Nilmar. Técnico: Dunga

VENEZUELA: Vega; Chacón, Rey, Vizcarrondo e Boada; Di Giorgi, Lucena, Rincón (Vargas) e Arango; Maldonado e Moreno (Rondón). Técnico: César Farías.

Agenda de hoje

Eliminatória Sul-Americana

17h00 Peru x Bolívia
19h00 Brasil x Venezuela
19h00 Paraguai x Colômbia
19h00 Uruguai x Argentina
19h00 Chile x Equador

Eliminatória Europeia

12h30 Andorra x Ucrânia
12h30 Cazaquistão x Croácia
13h00 Alemanha x Finlândia
13h00 Azerbaijão x Rússia
15h00 Grécia x Luxemburgo
15h00 Letônia x Moldova
15h00 Suíça x Israel
15h00 Liechtenstein x País de Gales
15h00 Turquia x Armênia
15h00 Bósnia-Herzegóvina x Espanha
15h00 França x Áustria
15h00 Romênia x Ilhas Faroe
15h00 Lituânia x Sérvia
15h00 Irlanda x Montenegro
15h00 Bulgária x Geórgia
15h00 Itália x Chipre
15h30 San Marino x Eslovênia
15h30 Rep. Tcheca x Irlanda do Norte
15h30 Polônia x Eslováquia
15h30 Estônia x Bélgica
15h45 Portugal x Malta
15h45 Suécia x Albânia
15h45 Dinamarca x Hungria
16h00 Inglaterra x Belarus

Eliminatória Americana

21h05 El Salvador x Honduras
21h05 T. e Tobago x México
21h05 Estados Unidos x Costa Rica

Nenhum comentário: