quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Candidatos ao título nacional

O Campeonato Brasileiro poderá conhecer o campeão no próximo domingo. Para isso, o São Paulo precisa derrotar o Goiás, em Goiânia, o Flamengo perder para o Corinthians, em Campinas, além de Inter e Palmeiras tropeçarem. Essa possibilidade é bem pequena, já que o Timão anda tão desinteressado na competição que seria uma grande surpresa se ele conseguisse derrotar o clube carioca.
A próxima rodada será fundamental para o São Paulo por causa do tamanho do desafio. O Goiás estava disperso no campeonato, mas, talvez motivado pela força da mala branca, despertou do sono no Maracanã e também vai tentar atrapalhar a caminhada tricolor no Serra Dourada. Se passar pelo Alviverde, o São Paulo vai asfaltar o caminho para o título, já que o seu próximo adversário será o Sport, ainda atormentado pelos fantasmas do rebaixamento confirmado.
Na última rodada, o Fla recebe o Grêmio, que já pensa em liberar os seus principais jogadores para passar as férias com a família. Além dos dois primeiros colocados, o Inter também está na luta pelo título. Os jogos contra o Sport e o Santo André não são muito complicados, mas o difícil será ver os líderes tropeçarem duas vezes.
O Palmeiras ainda tem chances matemáticas, mas está em queda livre e não demonstra poder de reação. Além disso, tem jogos complicados, contra o Atlético-MG e o Botafogo, e deve se dar por satisfeito se conquistar uma vaga na Libertadores.

Corinthians - A diretoria do Corinthians colocou os pés no chão e já começa a buscar reforços menos impactantes. Nessa política, a novidade, no Timão, para a Libertadores pode ser o atacante Iarley, do Goiás. Para fazer marketing, o lateral-esquerdo Roberto Carlos também mantém contato direto com a diretoria alvinegra e pode acertar.

Vasco - O atacante Dodô é, hoje, o grande sonho de consumo do Vasco. As negociações começaram entre as duas partes e, até a primeira quinzena de dezembro, devem terminar, provavelmente, com um final feliz para o clube de São Januário. O jogador realmente é diferenciado, mas precisa demonstrar comprometimento, o que não aconteceu no final das suas passagens por Fluminense e Botafogo.

CBF - A CBF demonstrou grande desorganização esta semana. Primeiro, a entidade divulgou que os jogos Avaí x Santos e Grêmio x Barueri iriam ser antecipados para o próximo sábado. Depois, apressou-se em dizer que mudou de ideia e colocou as partidas, outra vez, para o domingo.

Seleção - O técnico da seleção brasileira, Dunga, é avesso ao clima de festa antecipada. Ele também não gosta de ser pressionado pela imprensa e já demonstra que não pretende fazer o mínimo esforço para levar o atacante Ronaldo ao Mundial. Para chegar à Copa, o Fenômeno vai precisa fazer chover na Libertadores e exibir uma excelente forma em 2010. Caso contrário, não deve alimentar falsas esperanças.

Culpado-
Uma declaração do atacante uruguaio Santiago Silva, atualmente no Banfield, ganhou grande repercussão na imprensa argentina esta semana. Ele disse que fez corpo mole para o Boca Juniores vencer uma partida em 2006. O motivo foi uma série de ameaças que recebeu da torcida do seu time na época, o Gimnasia y Esgrima, que não queria que o rival Estudiantes conquistasse o título argentino. O resultado foi 4 x 1 para o Boca.

Subindo
- O meia Petkovic, favorito a conquistar o prêmio de melhor jogador do Campeonato Brasileiro. Ele deu a volta por cima no Flamengo e está sendo um dos diferenciais da equipe na competição. Se o Fla ficar com a taça, a torcida deve erguer um busto do sérvio na Gávea.

Descendo -
Ronaldo, que não conseguiu manter o ritmo do primeiro semestre, sofreu uma fratura na mão e perdeu espaço na seleção. Esta semana, Dunga tirou boa parte de suas esperanças de voltar a disputar uma Copa do Mundo.

Nenhum comentário: