sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Raio X do Carioca 2010

O Campeonato Carioca desta temporada começa no próximo sábado embalado pela boa preparação de suas principais equipes. Neste ano, atrações não vão faltar na disputa, que deve ser a mais emocionante do País.
O grande nome vai ser, sem dúvida, o Flamengo. O Rubro-Negro está empolgado com a conquista do título brasileiro e, de quebra, ainda luta pelo tetracampeonato estadual. Para a alegria de sua torcida, a diretoria conseguiu manter a excelente base de 2009, e o time entra em campo ostentando o favoritismo. Por enquanto, o clube fez três contratações: o atacante Vagner Love,ex-Palmeiras, o volante Fernando, ex-Goiás, e o meia Michael, ex-Botafogo e Dínamo de Kiev. Da equipe do ano passado, o clube só não segurou o meio-campista Everton, o atacante Zé Roberto e o volante Airton.
A equipe tem quatro jogadores diferenciados: o lateral Léo Moura, o goleiro Bruno, o meia Petkovic e o centroavante Adriano (foto à dir.). Os dois últimos, inclusive, são considerados os responsáveis diretos pela conquista do Brasileirão do ano passado. Além disso, o técnico Andrade conta com coadjuvantes de peso, e, se o lateral Juan e o meio-campista Kléberson recuperarem a velha forma, o Fla entra em campo com uma das equipes mais agudas do futebol brasileiro. A base do time vai ter: Bruno; Léo Moura, Álvaro, Ronaldo Angelim e Juan; Willians, Fernando ou Toró, Kléberson e Pet; Adriano e Vagner Love.
Outro time que está bem montado é o Fluminense. No ano passado, o clube esteve na porta do inferno, mas conseguiu a recuperação mais fantástica da história do futebol brasileiro e escapou do rebaixamento. As inúmeras dificuldades enfrentadas pelo Tricolor uniram os jogadores e a torcida, e esse casamento deve ter cenas tórridas de amor durante o Campeonato Carioca.
Os dirigentes conseguiram manter o chamado time de guerreiros e ainda fizeram contratações cirúrgicas, como a do lateral-esquerdo Julio César, eleito o melhor da posição no Brasileiro do ano passado quando defendia o Goiás. Além dele, chegaram o meia Ewerton (ex-Barueri), o meio-campista Willians (ex-Palmeiras), o lateral Thiaguinho (ex-Botafogo) e o zagueiro Leandro Euzébio (ex-Goiás). Para comandar a equipe dentro de campo, o técnico Cuca aposta na dupla Conca e Fred (foto, à esq.), jogadores que podem decidir um jogo a qualquer momento. A base do Flu tem: Rafael; Digão ou Leandro Euzébio, Gum e Dalton; Mariano, Everton ou Willians, Diguinho, Conca e Julio César; Maicon e Fred.

Botafogo I O Botafogo deu uma sacudida no seu elenco. Depois de sofrer no Brasileirão do ano passado, mas conseguir permanecer na Primeira Divisão, o Alvinegro foi às compras. Para suprir as saídas de Juninho, Reinaldo e André Lima, a diretoria contratou o zagueiro Antônio Carlos (ex-Atlético-PR) e os atacantes Herrera (ex-Grêmio) e Sebástian Abreu - foto -(ex-Aris, da Grécia). Além deles, também fechou com os zagueiros Fabiano Ferreira (ex-Vitória) e Edson (ex-Figueirense), o volante Somália (ex-América-RN), o lateral-direito Marcelo Cordeiro (ex-Inter) e os meias Renato Cajá (ex-Grêmio) e Diguinho (ex-América).

Botafogo II- O técnico Estevam Soares ainda espera que os dirigentes tragam mais jogadores de frente e um armador, para dividir a missão de criar com Lúcio Flávio. Por ter mexido na estrutura da equipe, o Alvinegro entra bem na disputa do Carioca, mas fragilizado em relação à dupla Fla-Flu. A bola dentro do clube foi o acerto com o uruguaio Abreu, que foi artilheiro em todos os lugares em que passou e já se tornou a referência para a torcida. O time-base deve contar com: Jefferson, Alessandro, Antônio Carlos, Wellington e Marcelo Cordeiro; Leandro Guerreiro, Somália ou Fahel, Diguinho e Lucio Flavio; Abreu e Herrera.

Vasco I - Campeão da Série B e de volta à elite do futebol brasileiro, o Vasco resolveu colocar a mão no bolso nesta temporada. O clube contratou doze jogadores e ainda está em busca de um atacante de ponta. Os dirigentes resolveram descartar a base da Segundona e foram buscar jogadores acostumados à Série A. Chegaram neste ano os volantes Léo Gago (ex-Avaí) e Rafael Carioca (ex-Spartak), os laterais Márcio Careca (ex-Barueri) e Elder Granja (ex-Sport), os zagueiros Thiago Martinelli (ex-Cerezo Osaka-JAP) e Gustavo (ex-Cruzeiro), além dos atacantes Dodô - foto -(sem clube), Rafael Coelho (ex-Figueirense) e Caíque (ex-Guarani). Para fechar, a diretoria ainda trouxe o meio-campista Jumar (ex-Palmeiras) e o técnico Vagner Mancini (ex-Vitória).

Vasco II - Com tantas modificações, o acerto da equipe deve demorar e, por isso, o clube entra no Carioca como quarta força. Se Mancini conseguir queimar etapas, o Vasco pode incomodar os favoritos e até chegar à final, mas vale destacar que o projeto da diretoria é que o time esteja bem mais forte e entrosado no Campeonato Brasileiro. A base da equipe para as primeiras rodadas do Carioca deve ter: Fernando Prass; Elder Granja, Fernando ou Gustavo, Thiago Martinelli ou Gian e Márcio Careca; Rafael Carioca, Jumar, Léo Gago e Carlos Alberto; Rarafel Coelho e Dodô.

Queda - Os dois últimos colocados do Carioca, juntando os dois turnos, caem para a Segunda Divisão. Se uma equipe chegar à segunda fase de qualquer turno, não poderá ser rebaixada.

América - Outra boa novidade do Carioca é o retorno do tradicional América à elite. Com o apoio da Unimed e a contratação do técnico Bebeto, o Diabo promete atrapalhar a vida dos velhos rivais. A base do América tem: Roberto, Claudemir, Ciro, Daniel Melo e Gerson; Júnior, Osmar, Jones Carioca e Allan; Daniel Morais (Paty) e Adriano.

Crédito das foto: Globo.com

Nenhum comentário: