domingo, 21 de fevereiro de 2010

Decisão em preto e branco

Botafogo e Vasco se reencontram hoje, às 17h, na final da Taça Guanabara. Neste Primeiro Turno do Carioca, os alvinegros já se enfrentaram no dia 26 de janeiro, e o time cruzmaltino massacrou o rival por 6 x 0. O resultado exagerado derrubou o técnico Estevam Soares no Glorioso e abriu caminho para o retorno de Joel Santana.
Aos poucos, o Botafogo foi se recuperando contra os pequenos, mas ainda não tinha a confiança de sua torcida. Isso até a vitória, de virada, sobre o Flamengo na última quarta-feira. O resultado motivou a massa e os jogadores, e uma palavra passou a ser repetida com ênfase em General Severiano: revanche.
O Vasco teve uma trajetória mais equilibrada na Taça Guanabara. Foi o primeiro do seu grupo e, na semifinal, segurou a força ofensiva do Fluminense, garantindo a classificação nos pênaltis, por 6 x 5.
Em comum, os alvinegros têm o trabalho recente de formação dos times. Após o fim da última temporada, os dois clubes passaram por reformulações e não estavam nem entre os favoritos para lutar pelo título do Primeiro Turno. O Vasco, por exemplo, contratou onze jogadores e trocou o técnico Dorival Júnior por Vágner Mancini. O Botafogo vive nova fase com Joel, mas, segundo o próprio treinador, a equipe ainda está longe do ideal, tanto que, para o Segundo Turno, o Departamento de Futebol ainda vai regularizar o zagueiro Danny Morais (ex-Inter), o volante Sandro Silva (ex-Palmeiras) e o lateral-direito Jancarlos (ex-Cruzeiro). Além disso, o clube ainda tenta contratar um meia que possa dividir a tarefa de criar as jogadas com Lúcio Flávio.

Destaques – O Vasco aposta no seu trio ofensivo para conquistar a Taça GB e, consequentemente, garantir vaga na decisão do Carioca. Dodô, artilheiro do campeonato, com sete gols, Philippe Coutinho e Carlos Alberto formam um trio de respeito e estão decidindo quase todos os jogos do clube. Dodô, por exemplo, marcou três vezes no último encontro com o Botafogo.
No Glorioso, Joel Santana não foge de suas características de montar a equipe de trás pra frente. Contra o Flamengo, a defesa conseguiu segurar o poderoso ataque formado por Vágner Love e Adriano, e animou o técnico. Para decidir o clássico de hoje, as apostas do treinador são o lateral ofensivo Marcelo Cordeiro e os atacantes Herrera e Loco Abreu. Quem também merece destaque é o meia Caio Canedo. Considerado a jóia da coroa botafoguense, o garoto tem definido jogos no segundo tempo e já virou o xodó da torcida.

Regras – De acordo com o regulamento da competição, se não houver vencedor na decisão de hoje no tempo normal, o título do Primeiro Turno vai ser decidido nos pênaltis.

VASCO: Fernando Prass, Élder Granja, Fernando, Titi e Márcio Careca; Nilton, Souza, Léo Gago e Carlos Alberto; Philippe Coutinho e Dodô. Técnico: Vágner Mancini.

BOTAFOGO: Jefferson, Fábio Ferreira, Fahel e Wellington (Antônio Carlos); Alessandro, Leandro Guerreiro, Eduardo, Lucio Flavio e Marcelo Cordeiro; Herrera e Loco Abreu. Técnico: Joel Santana.

Crédito das fotos: Globo.com

Nenhum comentário: