sábado, 27 de fevereiro de 2010

Grafite e Carlos Eduardo são convocados por Dunga

Dunga diminuiu ainda mais as esperanças dos atacantes que atuam no Brasil de irem à Copa. Com a lesão de Luís Fabiano, o treinador chamou Grafite (foto), do Wolfsburg, e o meio-campista Carlos Eduardo, do Hoffenheim,  para o amistoso de terça-feira, às 17h05 (de Brasília), contra a Irlanda, em Londres. O treinador avisa que o lob de parte da imprensa brasileira não o impressiona e desafia os críticos de seu trabalho a cada convocação. O capitão do tetra parece ter aprendido direitinho as lições com Parreira e Zagallo em 1994.

Acertou e errou - Pela excelente fase que vive na Alemanha, Grafite mereceu a convocação; Carlos Eduardo, não. Há melhores jogadores para a posição.

Pagou o Pato  - Pato apresentou nesta semana a nova camisa da seleção, mas perdeu espaço com Dunga. Sem Luis Fabiano, ele seria a primeira opção, mas o técnico preferiu inovar. Diego Tardelli, do Atlético-MG, Vágner Love, do Flamengo, Ronaldo, do Corinthians, e Fred, do Fluminense, também dificilmente vão ser lembrados para o Mundial. Grafite não era chamado desde 2005 e está animado com a chance.

Fora - Se Zagallo for o conselheiro de Dunga, Ronaldinho Gaúcho está fora do Mundial. O Velho Lobo disse nesta semana que nem nos tempos de Barcelona, quando o jogador era o melhor do mundo, ele jogava bem na seleção. Agora, para o ex-treinador, ele não merece chance.

Caiu - O técnico  bósnio Vahid Halilhodzic não comanda mais a seleção de Costa do Marfim, adversária do Brasil na primeira fase do Mundial. A má campanha na Copa das Nações Africanas foi o motivo da queda. O holandês Guus Hiddink, atualmente na Rússia, está cotado para assumir o cargo.

Nenhum comentário: