segunda-feira, 8 de março de 2010

Justiça veste a camisa do Flu no clássico carioca

O jogo Fluminense x Botafogo se encaminhava para ser registrado como mais uma das injustiças do futebol. O volume de jogo do Tricolor no clássico de ontem, no Maracanã, impressionou. O campeão da Taça Guanabara só se defendia, e nem ameaçava o goleiro Rafael. Mas, numa bola alçada na área, o atacante Maicon cometeu um pênalti infantil em Wellington. Herrera bateu e marcou.
Fred perdeu o gol mais feito do ano , mas o Flu manteve a pressão, e foi premiado. O atacante se redimiu com um golaço, de voleio, e o Tricolor chegou à justa vitória com Mariano, após bela jogada da promessa Wellington Silva. Final: 2 x 1 para o Flu.

Botafogo - O técnico Joel Santana precisa buscar alternativas para o jogo do Botafogo. O time apresenta dificuldades básicas de saída de bola e vai precisar evoluir para conseguir uma posição de destaque nesta temporada. O Tricolor ainda tem dificuldades em relação aos seus cabeças-de-área. Diguinho, por exemplo, faz mais falta do que joga.

Promessas - No duelo das promessas, Wellington Silva, do Flu, ganhou de Caio, do Botafogo. Os dois entraram no segundo tempo e o garoto do Tricolor foi o responsável direto pela vitória.
 
Despedida - O atacante Maicon pode se despedir hoje do Fluminense. O jogador está sendo negociado com o CSKA, da Rússia, e deve até viajar nas próximas horas para a Europa.
 
Péssima arbitragem - O árbitro Rodrigo Nunes de Sá fez um péssimo trabalho no clássico. Inverteu faltas, deu cartões desnecessários e prejudicou o espetáculo expulsando Conca e Herrera equivocadamente. Para complicar mais a arbitragem, no lance do pênalti a favor do Botafogo, Fábio Ferreira cabeceou impedido.

Quatro pênaltis - O atacante Herrera bateu quatro pênaltis em menos de quatro dias: três contra o Duque de Caxias, e um contra o Flu. Desses, acertou três.

GOLS: Herrera (35'/1ºT), Fred (16'/2ºT), Mariano (38'/2ºT)

FLUMINENSE: Rafael, Cássio, Dalton (Diogo - 28'/2ºT), Leandro Eusébio; Mariano Diguinho, Everton (Thiaguinho - 25'/2ºT), Conca e Julio Cesar; Maicon (Wellington Silva - 35'/2ºT) e Fred. Técnico: Cuca.

BOTAFOGO: Jefferson, Fábio Ferreira, Wellington e Fahel; Jancarlos, Leandro Guerreiro, Eduardo (Caio - 19'/2ºT), Lucio Flavio (Edno - 39'/2ºT) e Marcelo Cordeiro; Herrera e Loco Abreu. Técnico: Joel Santana.

Crédito da foto: Globo.com

Gols do Fantástico

Nenhum comentário: