quinta-feira, 11 de março de 2010

Pepe deve reforçar Portugal na Copa

As chances de o zagueiro alagoano Pepe disputar o Mundial aumentaram. De acordo com o cirurgião José Carlos Noronha, que operou o joelho do jogador do Real, ele tem hoje 80% de chances de estar apto a disputar o Mundial.
O atleta sofreu uma ruptura do ligamento do joelho durante a partida entre Real e Valência, realizada no final do ano passado. A princípio, a recuperação de Pepe poderia variar entre quatro e seis meses. Na semana passada, o médico português disse que a previsão para o início de treinos com bola do zagueiro é para abril. Em maio, ele deve voltar a atuar normalmente pelo Real e, em junho, segundo o médico, estará em ótimas condições físicas.
Aos 27 anos, o zagueiro é naturalizado português e, se as palavras do médico estiverem certas, deve enfrentar o Brasil no jogo do dia 25 de junho, a partir das 11h (de Brasília), na África.

O time português - A seleção portuguesa, de Carlos Queiróz, aposta na força ofensiva para vencer seus jogos. Se não houver surpresas, o treinador deve escalar o time na Copa no esquema 4-3-3, com Eduardo no gol, e a defesa sendo formada por Paulo Ferreira, Pepe, Ricardo Carvalho e Duda. No meio-campo, devem atuar Paulo Mendes, Raul Meireles e Deco, com o ataque sendo formado por Simão, Liédson e o famoso Cristiano Ronaldo. Se quiser fechar mais o time, o técnico pode sacar Liédson e escalar Tiago.

Estilo - Portugal é uma equipe que joga da maneira que o técnico Dunga gosta. Com um futebol ofensivo, o time costuma partir para cima e deixa muitos espaços no sistema defensivo, o que vai facilitar os contra-ataques fulminantes da seleção brasileira.

De mal - A seleção lusitana vem sendo muito criticada pela imprensa e a torcida do País. No último amistoso, disputado dia 4, Portugal venceu a China por 2 x 0, em Coimbra, mas não convenceu a massa. Os jogadores não gostaram das vaias após o amistoso e pediram mais apoio à seleção.

Nenhum comentário: