quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Falta é com Marcos Assunção

É impressionante o aproveitamento do meio-campista do Palmeiras Marcos Assunção nas cobranças de falta. Ele tem sido uma arma letal da equipe tanto no Brasileiro quanto na Libertadores. Assunção tem um repertorio variado e costuma fazer a festa de média, curta e longa distância. Ele já marcou seis gols de falta nessa sua nova fase com a camisa alviverde.

Pontaria - A importância de um batedor de faltas num campeonato tão equilibrado quanto o Brasileiro é fundamental. Esse valor pôde ser mensurado no clássico entre Fluminense e Botafogo, domingo. O Tricolor precisava vencer para assumir a liderança da competição e teve uma falta frontal, dentro da meia-lua. Conca bateu mal e desperdiçou a melhor chance do jogo. Se Marcos Assunção fosse do Flu, a chance seria outra.

Sul-Americana - Enquanto muitos cartolas se animaram com a abertura de mais uma vaga na Libertadores no Brasileirão, o goleiro do São Paulo Rogério Ceni demonstrou pessimismo. Segundo ele, um clube brasileiro vai levar a Sul-Americana e tirar a quarta vaga da Série A. Palmeiras, Atlético-MG, Avaí e Goiás ainda continuam na disputa da competição.

Nenhum comentário: