sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Ceni x jornalista

O goleiro Rogério Ceni chegou a um acordo com a jornalista Milly Lacombe sobre o processo que o jogador moveu contra ela. Milly foi processada porque disse, num programa do Sportv, que o goleiro forjava documentos para obter aumento salarial. Na primeira instância, Ceni ganhou a causa e, para encurtar o batalha jurídica, as partes chegaram a um acordo sobre os valores. Só falta a homologação no Tribunal de Justiça.

Descendo - A arbitragem brasileira, que está errando feio nessas rodadas decisivas do Campeonato Nacional. Neste meio de semana, o Cruzeiro foi prejudico pelo árbitro Nielson Nogueira Dias, de Pernambuco, que marcou um pênalti inexistente no duelo com o São Paulo. No primeiro tempo, o juizão deu apenas um cartão amarelo após entrada criminosa de Gilberto, do Cruzeiro, em Lucas. Parece que tentou compensar, mas se deu mal. Ontem, foi afastado pela Comissão de Arbitragem da CBF.

Nenhum comentário: