domingo, 7 de novembro de 2010

No Brasil, cinco pilotos lutam pelo título da F-1

Hamilton, Alonso, Webber, Button e Vettel estão na disputa
Faltando duas corridas para o término do Mundial de Fórmula 1, a disputa está aberta para cinco pilotos. Com 230 pontos, o espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, lidera o Mundial, com 11 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o australiano Mark Webber, da Red Bull. Também na briga pela taça, o inglês Lewis Hamilton, McLaren, com 210 pontos, e o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, com 206, e o inglês Jenson Button, da McLaren, com 189, torcem pela derrapada dos ponteiros. Hoje, essa batalha acirrada pela honraria mais importante do automobilismo vai ser travada em Interlagos, às 13h (de Alagoas), no Grande Prêmio do Brasil.
Como a vitória vale 25 pontos, os cinco pilotos sabem que não podem errar nesse momento decisivo. Alonso vive a melhor fase. Depois de chegar a ser desenganado no Mundial por alguns críticos de F-1, ele arrancou na competição a partir do GP da Hungria. Nessa corrida, ele foi beneficiado pela equipe, que pediu ao brasileiro Felipe Massa para deixá-lo ultrapassar. Depois das confusões de Budapeste, Massa se apagou na competição e Alonso colecionou triunfos, vencendo ainda na Itália, em Cingapura e na Coreia. O espanhol foi o piloto que mais venceu na temporada, batendo os rivais cinco vezes. O segundo que mais venceu foi justamente o vice-líder, Mark Webber, com quatro triunfos.

Fechando a conta – Alonso pode, inclusive, ser campeão no Brasil. Para isso, ele precisa vencer a prova desta tarde e torcer para que Webber fique, no máximo, na quinta colocação. Se terminar no segundo posto, o espanhol levantará a taça se Hamilton não subir ao pódio e Webber acabar a prova em oitavo lugar. Nesse cenário, Vettel também não poderá vencer a corrida.

Nenhum comentário: