terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Globo confia no apoio de Fla e Timão para ganhar disputa

A TV Globo desembolsou R$ 250 milhões pelo último triênio do Brasileirão, mas viu suas chances de continuar mostrando a competição diminuírem porque a Record está disposta a pagar entre R$ 500 milhões e R$ 1 bi pelo pacote. A confusão envolve poder e muito dinheiro, e está agitando o mercado do futebol nacional. Fontes ligadas à Globo dizem que a emissora está tranquila em relação ao negócio porque tem certeza de que haverá um racha no Clube dos 13, caso ela perca a disputa. Corinthians e Flamengo são hoje os principais aliados da TV nessa disputa, que já dura um ano e só vai terminar no próximo mês.

Corinthians e Atlético - Em entrevista ao jornalista Paulo Vinícius Coelho, da ESPN Brasil, o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, disse que não acredita na saída do Corinthians do Clube dos 13. “O Andrés Sanches não faria isso porque o Corinthians não quer rasgar dinheiro. Tenho certeza de que haverá um entendimento”, comentou Kalil, que participa nesta terça-feira de uma reunião para definir as próximas ações do Clube dos 13.

Ronaldo - A presença de Ronaldo no Domingão do Faustão inflou a audiência do programa. Domingo, a Globo dominou o horário com 18 pontos de audiência, contra oito da segunda colocada, a Record.

Valorizou - Nada como um título brasileiro para valorizar uma marca. O Fluminense fechou contrato de renovação com a Adidas por quatro anos no valor de R$ 9,1 milhões anuais. Antes, essa cota não atingia nem R$ 1,5 milhão.

Nenhum comentário: