terça-feira, 28 de junho de 2011

Os números da nova seleção

Com 33 anos, zagueiro Lúcio é o jogador mais velho da seleção brasileira 
A seleção brasileira que vai disputar a Copa América está bem dividida em relação aos jovens talentos e os jogadores com mais experiência. Aos 33 anos, o zagueiro Lúcio é o mais velho do grupo. Com 18, o meia-atacante Lucas é o mais jovem. Eles representam o choque de gerações que o técnico Mano Menezes vai fazer durante a sua primeira competição oficial no comando do escrete. A média de idade da seleção é de 25 anos e oito meses.
A turma dos experientes em Copas conta com Julio Cesar, Daniel Alves, Maicon, Lúcio, Thiago Silva, Luisão, Ramires, Elano, Robinho e Fred. Para o treinador, esses dez jogadores vão dar o suporte necessário para a garotada aguentar o tranco da Copa América. Dentro desse grupo, apenas Fred não fez parte do Mundial do ano passado, na África do Sul, mas jogou na Copa da Alemanha, em 2006.
Os jogadores com idade olímpica são Lucas, Sandro, Neymar, Paulo Henrique Ganso e Alexandre Pato. Desses, Mano só não deve escalar entre os titulares os dois primeiros. Neymar e Ganso são as maiores esperanças da equipe. Num período em que os jogadores de defesa do Brasil fazem mais sucesso na Europa que os meio-campistas e atacantes, eles representam a geração que tem a missão de substituir os Ronaldos.
Os dois se apresentaram na última quinta-feira, um dia depois de conquistarem a Taça Libertadores, com o Santos. Apesar da pouca idade, Neymar, de 19 anos, e Ganso, de 21, já têm no currículo os títulos paulista, da Copa do Brasil e da Taça Libertadores. Os dois também são cobiçados pelos maiores times da Europa e agora têm a responsabilidade de fazer a diferença para a seleção na Copa América.

Divisões – Quatro jogadores já passaram dos 30 anos nesse elenco: Lúcio (33), Julio Cesar (31), Elano (30) e Luisão (30). Entre os 26 e os 29 estão Maicon (29), André Santos, Daniel Alves, Jefferson e Victor (28); Fred e Jádson (27); Adriano, Elias, Thiago Silva e Robinho (26). Entre 22 e 24 estão Ramires e Lucas Leiva (24); David Luiz (23) e Sandro (22). Os mais novos são Pato e Ganso (21); Neymar (19) e Lucas (18).

Caseiros – Dos 23 convocados por Mano Menezes, sete atuam no Brasil. O time nacional que mais cedeu jogadores à seleção foi o Santos, que mandou à Argentina o meio-campista Elano, o atacante Neymar e o armador Ganso. Completam a lista os goleiros Jefferson (Botafogo) e Victor (Grêmio), além do meia Lucas (São Paulo) e do atacante Fred (Fluminense).

Nenhum comentário: