quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Neymar começa a fazer história

Atacante Neymar já disputou 61 partidas nesta temporada
O atacante Neymar desequilibra no futebol brasileiro. No último domingo, ele completou impressionantes 61 jogos na temporada. Apesar de ser o alvo preferido dos marcadores, o atacante do Santos segue driblando os volantes e zagueiros e encantando o público que assiste a suas exibições.
No Engenhão, ele fez outra bela partida contra o Flamengo. No Primeiro Turno, mesmo com o seu time perdendo para o Rubro-Negro por 5 x 4, na Vila, o craque fez um dos gols mais bonitos da década ao encaixar um drible improvável em Ronaldo Angelim na meia-lua. Até os físicos mais conceituados teriam dificuldades para explicar a ação do camisa 11 nesse lance mágico.
Pois bem: diante do mesmo adversário, Neymar também estava pronto para o baile. Os jogadores do Peixe pareciam desinteressados na partida de domingo. Sem grandes aspirações no campeonato, o clube está apenas se guardando para quando o Mundial chegar. Mas ninguém combinou isso com o jovem atacante.
No Rio, ele infernizou a defesa do Flamengo pela esquerda, pela direita e abriu seu interminável arsenal de dribles. Teve um para cada gosto, e quase todos em direção ao gol. Em um deles, o jogador sofreu um pênalti claro, mas o árbitro, desatento, não marcou. Inspirado, Neymar pegou a bola em outra penalidade, executou muito bem a cobrança e fez o gol do Peixe no empate por 1 x 1.
E nessa toada o atacante segue em busca do auge esportivo. Aos 19 anos, ele já marcou 74 gols com a camisa do Santos e outros oito com a da seleção. Em campo, conquistou um caneco do Paulistão e um título da Libertadores.
Sério candidato a protagonista do Brasil na Copa mais importante das últimas décadas, ele parece estar mais maduro e quase pronto para assumir responsabilidades maiores. O Neymar da Vila ainda não é o mesmo que atua na seleção, mas essa adaptação parece ser uma questão de tempo. Se o atacante tiver inteligência emocional para lidar com o sucesso, deve figurar até com certa facilidade entre os melhores jogadores da história. Basta para isso que ele esteja disposto a pagar o preço.

Subindo - O Vasco, que venceu uma partida difícil contra o Bahia no último domingo e deu um salto de qualidade na tabela do Brasileirão. Com 57 pontos, o líder abriu dois pontos sobre o Corinthians.

Descendo - O árbitro Francisco Carlos, que foi muito questionado pela imprensa nacional depois do erro no último clássico entre Palmeiras e Fluminense. Chicão precisa se concentrar muito nas próximas partidas para fugir das polêmicas.

Mercado -
O Milan pretende investir no mercado brasileiro na próxima temporada. O clube anda sondando os zagueiros Dedé (Vasco), Rodolpho (São Paulo) e Gum (Fluminense), além do goleiro Gabriel (reserva do Cruzeiro).

Nenhum comentário: