quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Portuguesa praticamente selou seu retorno à elite

Edno é um dos destaques da Lusa neste Brasileiro da Série B
Com 64 pontos, a Portuguesa praticamente garantiu o seu retorno à Série A do Brasileiro na última terça-feira. A Lusa faz uma campanha irretocável na Segundona e, depois de três anos com a faixa de cabeça para baixo, a torcida “Leões da Fabulosa” inverteu o pano. O técnico Jorginho faz um excelente trabalho no Canindé.

Subindo -  O goleiro Gilson, que tem feito atuações seguras com a camisa número 1 do ASA e tem passado confiança aos torcedores alvinegros. Após a vitória de terça-feira, o clima em Arapiraca também tende a melhorar.

Descendo - A CBF, que perdeu as rédeas da Série C e alimenta um monstro jurídico na competição. O ideal seria que jogos do Grupo E fossem disputados sem a participação do Rio Branco até que a confusão nos bastidores fosse resolvida.

ASA fica mais longe do rebaixamento

Foi uma vitória fundamental. O ASA precisava demonstrar capacidade de reação na Série B depois da sequência de três resultados negativos, e conseguiu. Terça-feira, o Alvinegro bateu o Guarani em pleno Estádio Brinco de Ouro, por 1 x 0, e abriu quatro pontos de frente para a temida zona do rebaixamento.Como a maioria dos times de baixo venceu, o time alagoano manteve o 13º lugar, agora com 41 pontos.
Uma vitória fora de casa também ajuda a clarear o horizonte. Amanhã, o ASA volta a jogar em casa, contra o Salgueiro, e tem amplas condições de vencer e asfaltar o caminho para a sua permanência na Série B.
O ASA enfrentou um adversário desesperado. Sem recursos, o Bugre não paga salários há três meses aos jogadores e há dois aos funcionários. O tradicional clube paulista entrou em parafuso na reta final e terá dificuldades para se manter na Segundona. A decadência do Guarani coincidiu com a ascensão do São Caetano, que saiu de vez da zona de risco depois de golear o Barueri, terça-feira, fora de casa, por 3 x 0.
De acordo com os matemáticos, um time deve escapar neste ano do rebaixamento se chegar aos 47 pontos. Dessa forma, o ASA precisa vencer dois dos seis compromissos que ainda lhe restam para cumprir sua missão no Brasileiro.

Segurança - Enfim, a defesa do Alvinegro funcionou fora de casa e o time deixou o campo com a primeira vitória longe de Alagoas nesta Série B. O ataque ainda apresentou dificuldades, mas o gol de Gustavo aos 4 minutos do primeiro tempo foi suficiente para garantir a vitória em Campinas.


Carregando tabela de Central Brasileirão...
Tabela gerada por Central Brasileirão

Nenhum comentário: