quarta-feira, 2 de novembro de 2011

CRB faz jogo-chave com o Luverdense

O técnico do CRB, Paulo Comelli, apostou num time seguro diante do desconhecido Luverdense. O adversário de hoje do Galo fez mistério e o treinador Luiz Carlos Liska escondeu até a relação dos 18 atletas que vão para o jogo.
O CRB precisa de quatro pontos em três jogos para subir e, a princípio, vai tentar evitar surpresas desagradáveis. A defesa está reforçada pelo retorno de Paulo Rodrigues, substituído no Pará por Rafinha. No gol, a boa atuação de Anderson Paraíba contra o Paysandu garantiu sua titularidade. O novo camisa 1 parece estar numa forma melhor do que Cristiano e achei a alteração pertinente.
No meio-campo, Bruno Moreno cumprirá a função de terceiro homem, sendo auxiliado por Thiaguinho e Roberto Lopes. Marco Antônio voltou ao banco de reservas e, na nova formação, Giovanni ganha espaço para armar as jogadas. Everton Maradona volta a jogar adiantado para municiar o centroavante Aloísio Chulapa.
Pela formação, o Galo deve apostar alto nas bolas paradas. Comelli já utilizou esse recurso no primeiro duelo com o Paysandu e deve repetir a dose nesta tarde. As faltas de Giovanni e os cruzamentos para Chulapa, Rodrigão e Felipe devem ser lances comuns durante a partida.
Um aspecto mais importante até do que as questões táticas nesse jogo é o psicológico. Quando ficou mais ansioso para vencer no Rei Pelé nesta Série C, no jogo contra o Campinense, o CRB empatou em casa e decepcionou sua torcida. Por isso, o time precisa ser equilibrado emocionalmente para não se deixar levar pelo natural nervosismo da torcida. Experiente e vencedor, Chulapa será o termômetro do time e terá a responsabilidade de comandar a tropa dentro de campo.

Maratona - O técnico Luiz Carlos Liska admitiu que vai precisar fazer constantes  alterações no time para encarar a maratona de jogos da segunda fase da Série C. O Luverdense precisa disputar seis jogos nas próximas semanas e não terá tempo de descanso. Esse foi o preço por entrar na competição na vaga do Rio Branco.

CRB – Anderson Paraíba; Diogo, Rodrigão, Felipe e Paulo Rodrigues; Roberto Lopes, Bruno Moreno, Thiaguinho e Geovani; Everton Maradona e Aloísio Chulapa.

Luverdense-MT – Tiago Volpi; Odair, Cléber Carioca e Dê; João Rabelo, Gabriel, Babis, Régis, Rafael e Robinho; Alan e Rai.

Corinthians-AL vai mandar jogos no interior

O Corinthians-AL tenta conquistar uma torcida para mudar de patamar no futebol. Por isso, o Tricolor deixará o conforto do Estádio Nelson Peixoto Feijó para mandar seus jogos no Pilar em 2012. Os dirigentes esperam que a torcida do município abrace as causas do clube.

Política - A mudança marca uma nova fase do Corinthians, que nos últimos anos deu ênfase ao trabalho de base, montou times competitivos, mas não se destacou no Estadual. O clube, inclusive, traça caminhos parecidos com os de CRB e CSA e tenta fazer acordos políticos para diminuir o prejuízo de disputar o campeonato.

Nenhum comentário: