segunda-feira, 25 de junho de 2012

Fla, Atlético-MG e Corinthians são os campeões de público no Nacional



Flamengo, Atlético-MG e Corinthians são os trens pagadores do Campeonato Brasileiro desde 1972. De lá para cá – não há registros de 1971 -, o Rubro-Negro teve a maior média de público por 12 vezes, contra nove do Galo e sete do Timão.

O trio de ferro também foi protagonistas dos jogos com maior número de torcedores na história do Brasileirão. No dia 29 de maio de 1983, o jogo Flamengo 3 x 0 Santos levou 155.523 ao Maracanã. A segunda partida da lista foi Flamengo 3 x 2 Atlético-MG, em 1º de junho de 1980, com 154. 355 no Maracanã (veja o vídeo do jogo acima), e a terceira foi Fluminense 1 x 1 Corinthians, que colocou 146.043 também no Maracanã, dia 5 de dezembro de 1976.

Vale destacar que o estádio Mario Filho, no Rio de Janeiro, foi palco dos três jogos de maior público do Nacional.

Bahêa

O Bahia também demonstrou força de torcida ao levar mais gente à antiga Fonte Nova em três campeonatos. Com dois triunfos no ranking de público aparecem o Fluminense e o Inter. Fechando o grupo, Grêmio, Cruzeiro, Vasco, Sport, Palmeiras ganharam na média de público em um Nacional.

Bicampeão

O Corinthians bateu o recorde de público nos dois últimos brasileiros. Em 2010, teve média de 27.446 pagantes e, no ano passado, 27.424. Vale ressaltar que, por causa das obras para a Copa do Mundo de 2014 em grandes praças esportivas do País, houve uma queda acentuada na média nas últimas temporadas. Em 2009, com o Maracanã aberto, o Flamengo teve média de 40.035 torcedores.

Sport

Neste ano, o Sport lidera o ranking de público, com média de 22.898 pessoas na Ilha do Retiro, no Recife.

Melhores médias anuais

Série A; partidas em casa

1972: Corinthians 40.719            1973: Flamengo 33.660
1974: Vasco da Gama 36.619      1975: Internacional 46.491
1976: Corinthians 47.729            1977: Atlético-MG 55.664
1978: Palmeiras 31.359               1979: Internacional 46.491
1980: Flamengo 66.507              1981: Flamengo 43.614
1982: Flamengo 62.436              1983: Flamengo 59.332
1984: Flamengo 38.543              1985: Bahia 41.497
1986: Bahia 46.291                    1987: Flamengo 47.610
1988: Bahia 35.537                     1989: Flamengo 21.300
1990: Atlético-MG 26.748         1991: Atlético-MG 26.763
1992: Flamengo 42.922              1993: Corinthians 37.330
1994: Atlético-MG 22.673         1995: Atlético-MG 21.072
1996: Atlético-MG 25.449         1997: Atlético-MG 23.342
1998: Sport 35.580                     1999: Atlético-MG 42.322
2000: Fluminense 20.219           2001: Atlético-MG 30.679
2002: Fluminense 25.666           2003: Cruzeiro 26.366
2004: Corinthians 13.547           2005: Corinthians 27.330
2006: Grêmio 25.630                 2007: Flamengo 39.221
2008: Flamengo 40.695             2009: Flamengo 40.035
2010: Corinthians 27.446          2011: Corinthians 29.424

Totais por clube

1.Flamengo: 12
2.Atlético Mineiro: 9
3.Corinthians: 7
4.Bahia: 3
5.Fluminense, Internacional: 2
6.Grêmio,Cruzeiro, Palmeiras, Sport e Vasco da Gama: 1

Fonte: Placar

Um comentário:

Rafael Kafka disse...

Na verdade o que importa é o público médio geral e não quem ganhou um ano ou outro:


Média geral por equipe

Série A até 2009

Flamengo: 27.659
Bahia: 24.983
Atlético Mineiro: 24.911
Corinthians: 21.849
Cruzeiro: 19.754
Internacional: 18.310
Palmeiras: 18.212
São Paulo: 17.390
Vasco da Gama: 17.314
Grêmio: 17.050
Fluminense: 15.954
Santa Cruz: 15.235
Sport: 14.931
Fortaleza*: 14.635
Paysandu*: 14.610
Ceará*: 13.955
Remo*: 13.578
Coritiba: 13.631
Santos: 13.556
20. Botafogo: 13.407
21. Goiás: 13.381
22. Vitória: 12.746
23. Atlético Paranaense: 11.332
24. Náutico: 11.279
25. Figueirense:* 9.878
26. Avaí: 9.709
27. Santo André: 9.195
29. Atlético Goianiense: 8.508
28. Guarani: 8.426
30. Avaí: 8.022
31. Ponte Preta*: 7.953
32. Paraná: 7.603
33. Criciúma*: 6.266
34. Portuguesa:* 6.256
35. Juventude: 5.386
36. São Caetano*: 4.111
37. Grêmio Prudente: 3.692
38. Ipatinga: 3.602