domingo, 23 de setembro de 2012

Os quatro reforços do CRB em análise


Denílson estreou no CRB neste sábado (Ascom CRB)
O CRB fez um bom jogo ofensivo contra o São Caetano. Ao contrário das últimas apresentações fora de casa, o Galo criou muitas oportunidades e marcou dois gols. No fim das contas, o time perdeu por 3 x 2, mas há pontos positivos a serem explorados nesse jogo.

Gostei da variação do cardápio com a entrada do jovem Ronaldo, ex-CSA. O estreante deu opções ao CRB pelo meio, criou jogadas pelas pontas e ainda tomou conta da bola parada. Sem ele, o Galo só atacava pela esquerda, com Gleidson e Ricardinho, e facilitava as ações da marcação do São Caetano.

O também estreante Denílson demonstrou ter qualidade, mas, ainda sem ritmo de jogo, a avaliação de seu desempenho requer mais tempo. Neste sábado (22), teve uma chance clara, sozinho com o goleiro Fábio, mas errou a passada e chutou em cima do camisa 1 ainda no primeiro tempo. Na etapa final, cansou e pouco foi notado.

Jucemar Gaúcho é um volante que tem qualidade no passe. Sem entrosamento com a equipe, teve dificuldades na marcação no primeiro tempo, mas cresceu na etapa final, principalmente quando atuou mais pela direita, fazendo a função de lateral.

Este setor, aliás, teve o pior estreante da tarde. Ângelo não apoiou bem e também deu espaço aos atacantes do São Caetano, que criaram chances pelo seu lado. Precisa ainda de ritmo e aprimorar o condicionamento físico, questões fundamentais para o bom desempenho de um lateral.

Defesa
A missão do técnico Pintado é corrigir os erros recorrentes da defesa. Neste sábado, o Galo foi derrotado porque sofreu três gols de bola parada, sendo dois por erro de posicionamento dos marcadores em bolas alçadas na área. A dupla Ednei e Thiago Gomes não passa segurança ao time e deve ser reavaliada pelo treinador.

É dele
O meia Ronaldo fez mais pelo Galo quando entrou no segundo tempo do que Diego Palhinha e Luciano em todo esse longo período que vêm defendendo a equipe. Para o jogo contra o Criciúma, Ronaldo deve assumir a armação do CRB sem o técnico pensar duas vezes.

Nenhum comentário: