segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Faltou força ofensiva ao CRB

Galo soma 29 pontos no Brasileiro da Segunda Divisão (Ascom CRB)
O CRB marcou melhor com o sistema adotado pelo técnico Roberval Davino, com três zagueiros e seis homens no meio-campo. O problema foi a improdutividade ofensiva do time contra o Avaí, em Florianópolis.

Isolado, Denílson, autor de três gols no jogo diante do América-RN, teve apenas duas chances no último sábado. No segundo tempo, numa jogada individual, quase empatou o jogo e demonstrou que poderia ter marcado se fosse melhor assessorado. Depois desse lance, esgotado, ele foi substituído por Aloísio Chulapa.

Infelizmente, o time do CRB é um cobertor curto nesta Segundona. Puxa para a defesa e descobre o ataque. Para complicar, Ednei foi expulso no início do segundo tempo e destruiu a tática de aumentar o poder de fogo do Galo na reta final da partida. A derrota por 1 x 0 para o Avaí, no fim das contas, foi justa

O CRB viu a diferença para a zona da degola cair para dois pontos na rodada, já que o Bragantino venceu o Guarani, em Campinas, por 2 x 1, e chegou aos 27. Com 29, o Galo precisa esquecer a derrota deste sábado e direcionar o foco para o jogo de hoje, diante do Boa Esporte, no Rei Pelé. Agora, o CRB tem a obrigação de detonar a sequência de seis jogos sem vencer em casa e, assim, evitar o risco de entrar no tenebroso Z-4 na próxima semana.

Carregando Tabela do Brasileirão Central Brasileirão, hospedado por KingHost Hospedagem de sites...

Nenhum comentário: